Sabrina Orlandin | Nutri Materno Infantil

Blog

Descubra como seu filho pode ter uma boa relação com a comida

13.Dez

Descubra como seu filho pode ter uma boa relação com a comida | Sabrina Orlandin Nutricionista Materno-infantil

A alimentação é um aspecto básico da sobrevivência de qualquer ser humano, além de também proporcionar aspectos importantes de socialização e de ser uma experiência prazerosa.

Porém, muitas crianças não desenvolvem um bom relacionamento com a comida, associando esse momento a uma obrigação ou a algo ruim e doloroso.

Para que isso não aconteça, é necessário que se crie um ambiente favorável envolvendo a alimentação, em todas as fases da infância. Confira algumas dicas de como fazer isso! Boa leitura.

Nos primeiros dois anos

É nessa fase que as crianças aprendem a realizar inúmeras atividades primordiais, como andar, falar e comer. Isso vai além da ação de se alimentar: também significa desenvolver paladar, aceitar texturas e sabores diferentes, comer nas horas corretas, entre outros aspectos.

Algumas coisas que você pode fazer para incentivar essas ações nessa faixa etária são:

Ofereça os alimentos diversas vezes

Se seu bebê rejeitou um alimento novo na primeira vez, ofereça-o novamente em outras ocasiões e em preparos diferentes. Pode ser necessário apresentar um mesmo ingrediente mais de dez vezes para que seu filho o aceite e aprecie. Não insista e nem force a criança a comê-lo, pois são ações como essas que podem criar um relacionamento ruim com a comida.

Não pressione

A hora de comer deve ser tranquila e prazerosa, sem pressa e sem pressionar a criança a comer alimentos que não quer ou a limpar o prato. Fazer desse momento uma situação estressante pode diminuir o apetite dos bebês, além de contribuir para criar esse “trauma” em relação à alimentação.

Dicas para todas as idades

Esses hábitos são benéficos para a alimentação de crianças em todas as faixas etárias, e até para os adultos! Confira:

Manter um ambiente sem ruídos ou distrações

Nada de comer assistindo televisão, ou enquanto brinca. Quando o foco não está completamente na comida, a criança pode acabar comendo mais ou menos do que necessita e também não prestará atenção aos sabores e texturas novos.

Estabeleça uma rotina de refeições

A correira do dia a dia pode ocasionar refeições fora de hora. Porém, isso não faz bem para os hábitos alimentares das crianças. Na medida do possível, defina horários para a alimentação de toda a família, pois comer em conjunto e ver o exemplo dos pais e irmãos mais velhos também incentiva os pequenos a se alimentarem melhor.

Livros infantis para aprender sobre alimentação

Para que as crianças entendam mais sobre a importância de comer bem, separei três livrinhos que ensinam sobre os alimentos, para que elas aprendam enquanto se divertem lendo ou escutando as histórias.

- Bibi Come de Tudo – Alejandro Rosas
O livro fala de maneira simples e divertida sobre a resistência que muitas crianças enfrentam ao experimentar coisas novas.

- A Cesta de Dona Maricota – Tatiana Belinky
Dona Maricota vai à feira e os alimentos que ela compra contam tudo sobre seus benefícios para a alimentação das crianças

- Luna em… Eu quero saber! Natureza – Celia Catunda
A personagem do “Show da Luna” sai em busca de respostas sobre as frutas e outros vegetais que fazem parte de nossa alimentação.

Para conferir mais dicas sobre alimentação infantil, confira os outros artigos no meu blog!

Clique para saber mais!
Receba nossa newsletter!